Endereço: Rua Pamplona, n°145, cj.704 , Jardim Paulista,

Fale Conosco: (11) 3214-2953

(11) 94941-8374

BLOG LEMBRE E RELEMBRE

Relato de Caso: benefício da Realidade Virtual no processo de Reabilitação

A realidade virtual é uma ferramenta complementar ao processo de reabilitação em geral, sendo aplicada nas mais diversas áreas, como: Gerontologia, Neurologia, Ortopedia, Cardiorrespiratória, saúde da mulher dentre outras. Hoje iremos destacar o efeito da técnica em relação aos pacientes que por algum motivo (medo, dor ou ansiedade) têm receio de realizar movimentos, evento este nomeado de cinesiofobia

Pesquisas científicas na área vêm demostrando que a técnica é capaz de gerar sensação de engajamento, motivação e segurança nos usuários, fazendo com que estes indivíduos consigam realizar movimentos corporais, diante de situações muito desafiadoras.

A fisioterapeuta Dra. Jéssica Maria Ribeiro Bacha, relata um caso vivido na sua prática clínica com a técnica, em relação a cinesiofobia. Dra. Jéssica tinha uma paciente que havia tido uma patologia musculoesquelética no ombro e a mesma teve como “sequela” medo de movimentar o membro, mesmo depois de ter sido curada. Dra. Bacha afirma que durante uma sessão fisioterapêutica com realidade virtual a paciente realizou um movimento com braço e logo começou a chorar, na hora a fisioterapeuta imaginou que o choro fosse decorrente de algum processo doloroso, porém a paciente afirmou estar chorando de emoção, pois há anos não movimentava o membro por medo de sentir dor e que o ambiente virtual a fez sentir imersa e segura não dando espaço para qualquer sentimento negativo.

Este é um dos inúmeros benefícios da realidade virtual no processo da reabilitação, para mais detalhes e informações venham conhecer nossos cursos sobre o tema: Aplicabilidade da Realidade Virtual na Reabilitação com simulação prática e Estimulação Cognitiva com Simulação Prática .


Jéssica Maria Ribeiro Bacha

CREFITO 3: 206063-F

Doutora e Mestre em Ciências pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo;

Especializada em Gerontologia pelo Instituto Israelita Albert Einstein;

Especializanda em Fisioterapia Traumato-Ortopédicapelo IBRA - Instituto Brasil De Ensino e Consultoria;

Especializanda em Fisioterapia Uroginecológica pelo IBRA - Instituto Brasil De Ensino e Consultoria;

Fisioterapeuta formada pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais campus Poços de Caldas;

Capacitadora em Estimulação Cognitiva Intergeracional pelo Programa Vigilantes da Memória;

Membro da Sociedade Brasileira de Gerontotecnologia;

Membro da Associação Brasileira de Fisioterapia em Gerontologia;

Membro do Laboratório de estudo em tecnologia, funcionalidade e envelhecimento da Universidade de São Paulo (LETEFE);

Integrante da Equipe do Vigilantes da Memória como fisioterapeuta e docente;

Docente de Pós-graduações em Gerontologia em instituições renomadas no país.

Realiza pesquisas sobre reabilitação do controle postural e cognição de idosos por meio da fisioterapia convencional e de novos recursos como a realidade virtual e videogame;

Realiza atendimento fisioterapêutico em idosos por meio de intervenções convencionais e inovadoras visando sempre o estímulo cognitivo, sensorial e motor do indivíduo.